Agenda Geral | Comitês

<Outubro/2018>
DOMSEGTERQUAQUISEXSÁB
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031
<Outubro/2018>
DOMSEGTERQUAQUISEXSÁB
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Trabalho de mestrado é pauta de grupo de trabalho do CBH-PP

27/04/2018 - Categoria: CBH-PP - Pontal do Paranapanema


Foto: Divulgação

O trabalho de mestrado de Rodrigo Bernardes Freire, intitulado "Priorização de áreas para restauração ecológica na UGRHI 22, Pontal do Paranapanema, São Paulo, Brasil” se tornou pauta do Grupo de Trabalho sobre Áreas de Preservação Permanente e Mananciais (GT-PP/Mananciais) do Comitê da Bacia Hidrográfica Pontal do Paranapanema (CBH-PP). O curso faz parte do Programa de pós-graduação em Geografia da Universidade Estadual Paulista (UNESP), campus de Presidente Prudente, que conta com o apoio dos CBHs Médio Paranapanema (CBH-MP), Alto Paranapanema (CBH-ALPA) e Aguapeí-Peixe (CBH-AP), além do CBH-PP, com recursos do Fundo Estadual de Recursos Hídricos (FEHIDRO).

Segundo a pesquisa de Freire, que faz parte da Coordenadoria Biodiversidade e Recursos Naturais, da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (CBRN/SMA), a região possui baixos índices de cobertura vegetal nativa e, diante do cenário que pode ocasionar desequilíbrio ambiental com prejuízo às atividades humanas e devido às obrigações previstas em leis, faz-se necessário a definição de áreas nas quais as ações de restauração ecológica devem acontecer. 

Para realizar a pesquisa, o mestrando utilizou a metodologia de Combinação Linear Ponderada, em que as variáveis escolhidas são combinadas, atribuindo-se pesos para cada uma delas de forma a se obter o resultado final. Os dados foram combinados, gerando uma hierarquização em cinco classes, e partir dessa, foram destacadas as áreas com extensão superior a cinco hectares e que estivesse na classe de maior prioridade.

A partir da apresentação da pesquisa, o GT-APP/Mananciais debateu sobre as possibilidades de aplicação dos resultados na definição e priorização de ações de restauração ecológica na UGRHI-22. Clique aqui para mais informações.